Um dia com a Sony FS700: RAW 4K e 240fps *atualizado*
outubro 24, 2013
Pedro Vilhena (189 articles)
9 comments
Compartilhar

Um dia com a Sony FS700: RAW 4K e 240fps *atualizado*

Pude passar um dia testando a nova versão da Sony FS700. A câmera, que já chamava atenção por trazer alta velocidade a preço acessível, este ano recebeu um upgrade de firmware (pago) para gravar também em raw 4k e 2k. Ela faz 120fps em raw 4K e 240fps em raw 2K, podendo chegar a 960fps em resolução reduzida. Como é uma Sony, pro raw é necessário adquirir uma interface e um gravador externo proprietários (zzz) que levam o custo total a patamares de US$15 mil. Mas você sempre pode alugar…foi o que fizemos. Poderia pedir a câmera sem o gravador e interface, mas a perspectiva de gravar 240fps em raw full hd era irresistível (e trabalhar com AVCHD ninguém merece).

FS700 com interface e gravador. Ainda falta a bateria V-mount atrás

De cara, vc monta a câmera e pensa no formato. A ideia original da Sony é que se coloque o gravador e a interface no mesmo trilho da câmera. Acontece que assim ela se torna uma bazuca BEM POUCO operável, principalmente se você estiver usando uma 70-200 como a gente. Fica a dica de pegar um cabo SDI maior para deixar o gravador ao lado da câmera ou num belt/mochila, na melhor moda vídeo anos 80. No mais o gravador raw é o mesmo da F5 (chama-se AXS-R5), e seus “cards” são de 512GB cada, um pouco assustador. Mas é preciso ter pelo menos dois desses à disposição se estiver pensando em gravar 4k e/ou alta velocidade.

A FS700, como a Canon C300, tem um sensor de 4K que faz o downsample pra Full HD. Mas com o upgrade a Sony possibilitou gravar o sinal direto, sem passar pelo processo de redução. O resultado é uma nitidez cinematográfica na imagem em 4k nativo. O 2k por outro lado não é tão impressionante. Isso se explica porque, mesmo sem passar pela separação de cores (debayering), o sinal raw ainda passa pelo processo de redução espacial, e as empresas não ligam muito pra bons algoritmos ao fazer isso internamente (vide o caso da 5D mark 2 e 3, cujo maior problema é a perda de nitidez ao interpolar o sensor de 21MP para 2MP), é o famoso pixel binning. Mas isso é ser exigente. O material 2k raw que gravamos com certeza deixa o H.264 ou AVCHD de qualquer câmera no chinelo.

Em tempo: alguém precisa avisar a Sony que não é legal ter de entrar no menu pra mudar o ISO. É coisa de snapshot, não de câmera de US$8.000.

Com a 70-200 e o gravador à parte, bem melhor

Apesar de ter pesquisado bastante eu não estava preparado pra todas as mudanças. Além da capacidade 4K a câmera ganhou novas curvas gamma, notadamente o S-Log2, um perfil flat até então só disponível no topo da linha CineAlta. O que eu não sabia é que nesse modo o ISO mínimo vai para nada menos que 2000. Não, não muda só o ISO nativo, nem acontece só rodando em alta velocidade: em S-Log2 você simplesmente não pode gravar a menos que ISO 2000. Claro que isso preocupou porque nossa fotografia tinha muito contraste e eu queria o menor ruído possível na imagem. Então fiz o teste, abri no computador e percebi…que não pega nada. A câmera se tornou um monstro da baixa luz após o upgrade.

Outra boa notícia é que com o gravador externo você não fica limitado pelo buffer interno ao gravar alta velocidade. É possível fazer 2k @ 240fps ininterruptos até seu cartão acabar. Da minha parte ainda prefiro planejar bem a gerar uma montanha de material e jogar fora a maior parte depois (até pq alta velocidade requer luz específica), mas é ótimo não estar limitado a 8 segundos como antes.

A Sony tem um software gratuito, o Sony Raw Viewer, para abrir os arquivos .MXF gerados pelo gravador raw. Lembra o XDCAM browser, pra quem já usou. Ainda assim preferi converter e exportar tudo no Resolve 10, que funcionou tranquilamente. Outra boa opção é instalar o plugin pra importação no Premiere ou Avid, que permite abrir o raw direto na timeline como já acontece com arquivos RED. Em todos esses workflows você pode aplicar o belo perfil S-log ao raw.

Algumas dicas pra gravar raw com a FS700:

– Se assegure de que o gravador está ligado e rodando. Ele vê a câmera, mas a câmera não vê ele, o que significa que você pode apertar REC e não estar gravando nada.
– Use o perfil S-log2, mas tome cuidado porque estará monitorando flat e tudo parece mais claro do que é.
– Em 4K não há histograma, mas há zebras. Mesmo assim desconfie, elas não são 100% precisas.
– Cuidado com foco ao trabalhar em 4K. É extremamente sensível e os monitores não correspondem. A melhor tática é abrir toda a íris, travar o foco e fechar de novo, voltando pra exposição correta. Não tente acertar foco de prima a f/8.

Para uma ótima explicação de tudo sobre a câmera, esse keynote no site da Sony é uma referência completa.

Comentários

  1. […] bitrate. Além disso através de um módulo externo é capaz de gravar RAW a até 240fps (como a FS700). O preço? US$8.000. Pra quem tem uma DSLR pode ser muito dinheiro, mas câmeras piores que isso […]
  2. fred
    fred maio 30, 17:20
    Existe a possibilidade de alterar o ISO quando usamos a FS700 em s-log 2? No link abaixo fala-se em ISO 640 em s-log 2. https://www.youtube.com/watch?v=uMF-fzlIEeQ
    • Pedro Vilhena
      Pedro Vilhena Autor junho 01, 03:41
      É possível alterar o ISO livremente, mas não abaixo de 2000. O ISO base em s-log2 é esse porque a curva gamma é outra (esse é o ISO pra manter o cinza médio no devido lugar dentro da curva log). Acho que pode ter sido um engano de quem fez o vídeo. Ou então eles gravaram em RAW com gamma linear ISO 640 e aplicaram s-log2 na pós ao "revelar", isso é possível. Mas a menos que tenha havido uma atualização que eu desconheça, ISO 640 em s-log2 na FS700 é impossível.
  3. Willian Kroll
    Willian Kroll junho 07, 00:28
    Olá! Peguei a Fs700 atualizada esses dias e fiquei com duas dúvidas, não sei se vc pode me ajudar: 1 - Com o gravador externo ela faz 444 12bits, é isso? 2 - Eu configurei ela pra 1080p 24fds e acionei o superslow a 960fds e ela não me deu nenhum indicativo de baixa de resolução. Depois eu chequei o arquivo e ele estava em full hd mesmo. Pesquisando eu achei em apenas um site dizendo q ela processa o arquivo pra sair no mesmo formato do resto. É isso mesmo? fiquei em dúvida...
  4. Ricardo Vilas Boas
    Ricardo Vilas Boas maio 22, 14:33
    Olá!! Tenho uma fs700 e quero fazer o upgrade na versão dela para gravar em 4k. como faço isso? onde consigo a versão necessária? Obrigado...
  5. Ricardo Vilas Boas
    Ricardo Vilas Boas maio 22, 14:36
    Onde consigo atualizar minha FS700u para gravar em 4k?
    • Pedro Vilhena
      Pedro Vilhena Autor maio 24, 21:23
      Fala Ricardo. A que eu peguei já estava atualizada. Vc precisa mandar pra Sony ou uma autorizada, e tem um custo, mas não lembro qual. Só mesmo ligando lá pra se informar...abraço.
  6. Rogerio Sampaio
    Rogerio Sampaio maio 24, 21:24
    Sou Rogerio Sampaio tenho uma FS700 a primeira tem como eu fazer uma atualizaçã nela. artfilmesrec@gmail.com
    • Pedro Vilhena
      Pedro Vilhena Autor maio 24, 21:30
      Fala Rogerio, eu nunca tive uma, só aluguei já atualizada. Pelo que sei a câmera tinha que ser enviada pra Sony, e havia um custo pro upgrade, que já deve ter caído bem. Só mesmo entrando em contato com eles.

Escrever comentário

Seus dados estarão seguros. Seu endereço de email não será publicado. Os outros dados também não serão compartilhados com terceiros. Campos obrigatórios marcados com *